UOL Bate-papo

  • pessoas online
  • 7.577 salas abertas
  • 378.850 lugares

Bate-papo com convidados

BATE-PAPO COM Gorete Milagres - 17/04/2006 às 16h00

Gorete Milagres, atriz comenta sua participação no filme

Atriz que tornou-se conhecida como a caipira Filó na televisão fala sobre a estréia no cinema. Em "Tapete Vermelho", Gorete Milagres interpreta Zulmira, a esposa de Quinzinho (Matheus Nachtergaele) que acompanha o marido e o filho numa viagem para assistir, na cidade, a um filme de Mazzaropi.

  • Leia mais sobre Tapete Vermelho

  • Assista ao trailer e entrevista com o ator Matheus Nachtergaele

  • Veja fotos do filme

  • (04:05:01) zELIA: BOA TARDE
    (04:05:28) An@: boa tarde
    (04:06:37) turbo: boa tarde
    (04:06:38) An@: Porque você foi chamada para fazer o filme Tapete Vermelho?
    (04:08:17) Gorete Milagres: Olá, pessoal!! Vocês que estão aí disponóveis para conversarmos, sou toda de vocês! Não se intimidem a nos mandarem perguntas!!
    (04:09:58) ZéH: esse´é seu primeiro filme?
    (04:10:31) Gorete Milagres: An@, quem me indicou para o filme foi o Matheus Nachtergaele, quando me conheceu durante um festival. Depois que ele me viu na televisão, ele entendeu o meu trabalhou de atriz. Quando o Matheus recebeu o prospecto do filme, o Matheus e o diretor do filme, o Gal, entenderam que eu seria uma boa protagonista para o filme. Isso foi em maio de 2004.
    (04:10:41) felipe dias: como e trabalhar com o Matheus
    (04:12:41) Gorete Milagres: ZéH, não é o meu primeiro filme. Fiz algumas pontas. E é um processo muito difente. Venho da TV, onde o processo é mais urgente. Como atriz, comecei deste processo mágico. O set de filmagem é uma festa. Confesso que fiquei encantada. Estou até fazendo faculdade cinema por causa do grande prazer de ter feito este filme.
    (04:12:58) Lu Moderadora:
    Divulgação

    Gorete Milagres em cena do filme "Tapete Vermelho"

    (04:13:07) An@: QUAL O NOME DE SEU PERSONAGFEM NO FILME?
    (04:13:40) Gorete Milagres: felipe dias, foi maravilhoso! Ele é genial! Foi muito tranquilo, até porque ele é generoso demais!
    (04:14:32) An@: como foi que você entrou no mundo do humor?
    (04:14:32) Gorete Milagres: An@, Zumira. Para conceber o personagem ficamos em Santo Antônio do Pinhal, no interior de São Paulo. Convivemos com um casal bem caipira, para entendermos o cotidiano dessa gente. O processo foi ótimo!
    (04:15:15) quitoDF: por q vc parou d atuar como filó
    (04:18:33) Gorete Milagres: An@, foi assim: eu era bancária. Tinha até um cargo de chefia. Eu adorava brincar... E resolvi chutar o balde: prestei vestibular na UFMG para teatro. Na época, com a faculdade me greve, participei de um festival de teatro e música, e numa das apresentações seria "Comédia Della Arte". Acabou que eu simplismente a Filó, a quem apresentei a um diretor. Fui selecionada para fazer o espetáculo. Foi muito bacana. Minha estréia no teatro foi para mil e 300 pessoas. Foi assim.
    (04:19:37) Ruth: Existe espaço, num mundo globalizado e com o bombardeio dos e]meios de comunicação, a ingenuidade do caipira?
    (04:19:55) Lu Moderadora:
    Eduardo Piagentini

    Gorete Milagres ao vivo, no Bate-papo UOL

    (04:20:45) Gorete Milagres: quitoDF, não é culpa minha não. Fiz a Praça até 2004. Neste período fiz o "Tapete Vermelho". Logo depois fiz participações no programa da Adriane Galiesteu e do Ratinho. Até recentemente, estava fazendo a Filó no programa do Tom Cavalcanti. Acho que a Filomena é uma personagem bem forte. Não quero ser figurante. Quero fazer um trabalho bacana!
    (04:22:21) jcywh: Olá. Prmeiro, queria dizer que gostei muito do filme: simples e tocante. Minha pergunta é: como vc acha que podemos tornar filmes brasileiros mais atraentes para a população como um todo, e torná-los tão naturais como filmes estrangeiros?
    (04:22:21) Gorete Milagres: Ruth, eu acho uma pena não existir este espaço no momento. A doçura do caipira faz falta. Eu sinto isso ainda mais agora com "Tapete Vermelho". Vi o filme este fim de semana com sala lotada. E todo mundo sai falando da doçura o Mazzaropi. Quem sabe não tenhamos retorno.
    (04:23:29) Fábio: Escutei hoje na rádio Eldorado que vc fez até promessa para receber uma proposta para fazer cinema. É verdade?
    (04:23:37) Gorete Milagres: jcywh, eu acho que precisa termos apelos mais populares. Prova disso é o sucesso de "Dois Filhos de Francisco". Tá certo que é a história de ídolos da música, mas também é uma história simples. Eu saí do cinema sábado ouvindo que as pessoas gostaram do roteiro.
    (04:23:51) Lu Moderadora:
    Divulgação

    Gorete Milagres em cena do filme "Tapete Vermelho"

    (04:25:11) NyNe_bP: ñ tem como vc voltar a atuar no praça é nossa e reviver a filó??
    (04:25:21) Gorete Milagres: fabio, não é assim. Eu passei pela Basílica de Nossa Senhora de Aparecida e pedi à Santa que me mandasse um filme. E aconteceu. E mais: o filme que chegou na minha mão tinha até Ela roteiro!
    (04:26:01) Ruth: Você acha que seu personagem Filó está n nivel do Macunaína? Eu acho!!!!!!
    (04:26:52) Gorete Milagres: NyNe_bP, confesso que até hoje não entendo a minha saída da Praça. Muitos bons humoristas sairam do programa com a justificativa de "corte de gastos". Adoraria voltar para a Praça. Agradeço sempre ao Carlos Alberto a oportunidade. Se pintar o convite, adoraria voltar.
    (04:27:15) Marcos: Gorete você já recebeu convites para atuar em novos filmes?
    (04:29:12) Gorete Milagres: Ruth, obrigada! Macunaíma é tudo de bom! É uma obra de arte. Acho que tem muito a ver... Mas a Filó está em outro contexto. Macuníma é uma outra década. A Filó ainda não voltou para a Iara. E nem foi devorada... Confesso que ela (Filó) foi devorada. A Filó quase foi devorada pelo meio onde ela viveu, que é a TV. Tive momentos bem difícies na televisão: sucesso, Ibope... Tudo é bem complicado. Várias "Iaras" tentaram me engolir. Mas sobrevivemos.
    (04:29:21) rafael: e muito dificil a vida de humorista ??
    (04:29:27) Violeiro: Gostaria de saber o que vc acha do descaso da midia com a cultura popular o o humor popular como artistas como vc e saulo larangeira
    (04:29:51) Gorete Milagres: Marcos, menino!! Faz pouco tempo. Se acontecesse, iria cair! Amei fazer cinema e espero voltar.
    (04:31:32) Mark frisxtor: Gorete, Fabiana Carla é uma atrizx super copetgente, assim como vc é muito fantastica no que faz, ja houve algum tipo de comparaçao publica entre vcs duas, como vc lidou com essa situação?
    (04:32:38) Gorete Milagres: rafael, é difícil a vida do artistas. O humorias é ainda pior. A gente sofre preconceitos, saibam! Tem gente que acha que não fazemos drama, só humor. Eu fiquei marcada como uma atriz de personagem só. E Violeiro, a cultura brasileira tem disso também, esquecer muitas de suas raízes. Por que, por exemplo, o precoceito da música caipira. E o humor caipira, também. A cada hora pinta uma nova moda e deixam as nossas origens de lado. E falo de tudo: música, teatro...
    (04:32:55) Gil: Gorete, sou de Queluzito, próximo aConselheiro Lafaiete, sou caipira de alma e coração, e quando ouço você dizer que lamenta que esteja acabando espaço para o caipira, para a cultura caipira, eu fico me perguntando: Será que a globalização não fará exatamete que o caipira renasça, será que a busca da individualidade caipira do brasileiro não irá ressrgir? AINDA: O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO PRA APROFUNDAR-SE NA CULTURA CAIPIRA? tEM ESTUDADO, APROFUNDADAO OS CONHECIMENTOS SOBRE ESTA RIQUÍSSIMA CULTURA?
    (04:34:00) Gorete Milagres: Mark. Fabiana Carla é Zorra Total, que está em "A Máquina". Ela tem o trabalho dela e eu ao meu. Se nos comparamos vou ficar feliz, porque ela está indo superbem.
    (04:34:00) Andre_Michael: Gorete, vc ainda ja 'teve vontade de ser apresentadora de tv?
    (04:37:57) Gorete Milagres: Gil, eu acho que sou uma caipira. Essas são as minhas caipiras. Sou mineira do interior... E sempre recarrego minhas baterias lá. Acho que o que vc falou tem fundamento. Com a globalização, as pessoas estão cada vez mais se "interiorizando". Hoje, é possível morarmos na roça e mandarmos o trabalho para qualquer canto do mundo. Pode ser uma maneira de encontarmos a relação entre interior e cidade grande.
    (04:38:16) maria: sua filha e a sua cara ,ela pretende ser atriz como a mae?
    (04:38:59) Gorete Milagres: Andre_Michael, nem... Não é a minha praia. Nem sou loira, nem gostosona... Quero fazer, sim, teledramaturgia. Acho que sou capaz de fazer um personagem dramático. Quero essa onda.
    (04:39:11) Lu Moderadora:
    Eduardo Piagentini

    Gorete Milagres ao vivo, no Bate-papo UOL

    (04:39:52) Renato: quais atores mais te influenciaram? vc se identifica com algum(a)?
    (04:40:34) Gorete Milagres: maria, bom as minhas filha. A Alice é bailarina. Ela quer dançar, mas quero fazer teatro. A Maria tem uma veia cômica. Ela é muito engraçada. Acho que não desvio o assunto dela, não. Se tiver de ser, será!
    (04:41:53) quitoDF: vc ñ tem vontade d fazer novela
    (04:43:11) Gorete Milagres: Renato, eu ia muito no cinema na minha adolescência, no interior. Eu via muito Mazzaropi. Ele era uma referência. E eu conviva com o caipira. Não posso deixar de citá-lo. Ele sim quem me inspirou demais.
    (04:45:43) Ciro: GORETE, VC JÁ RECEBEU ALGUM TIPO DE PROPOSTA DA TV GLOBO?
    (04:45:55) Gorete Milagres: quitoDF, gostaria sim, e gostaria de fazer drama. Queria fazer uma vilã, uma prostitura. Eu sou atriz, quero viver um monte de vidas. Me sinto frustrada, às vezes, por não poder fazer muito personagens. Quero que o filme abra-me mais portas.
    (04:46:58) o leitor: qual seu maior medo nessa profissao
    (04:47:41) Gorete Milagres: Ciro, gostaria tanto de não falar da TV Globo. A minha história com a Globo é a "volta dos que não foram". Foi pra Globo e fiquei na geladeira por uns meses. O SBT me trouxe de volta. No auge do sucesso do SBT, a Globo me chamou de novo, e não fui. Até hoje não sei se agi certo ou errado.
    (04:48:11) preta: gorete o que vc acha do progama zorra total
    (04:50:19) Breno: Gorete sou do Mato Grosso Do Sul o cine cultura daqui acabou!! como esta a distribuição do filme chega a todas as capitais?
    (04:50:28) Gorete Milagres: o leitor, a dificuldade é tocar projetos. A gente pensa em uma coisa e entramos na fila das leis de incentivo à cultura. Estou com um projeto maravilhoso e estamos na luta para conseguirmos patrocínio. A Eletrobtás já topou. Acho que é aí que mora o nosso medo. E os nosso medos estão nas "Iaras", fazendo uma comparação ao Macunaíma, que devora o protagonista da história.
    (04:51:41) Gorete Milagres: preta, não gostaria de criticar nada... Acho que "Zorra Total" faz uma linha de "Praça É Nossa": um humor popular. Não tenho nada contra. Ultimamente estou adorando Luiz Fernando Guimarães. É tudo de bom!
    (04:51:59) o leitor: o que vc gosta de fazer no seu tempo livre
    (04:52:49) Gorete Milagres: Breno, olha... Temos 35 cópias. "Dois Filhos de Francisco" tinha 230 cópias. Tenho fé que chegue no Mato Grosso do Sul. Em Belo Horizonte está passando em dois cinemas.
    (04:53:33) Gorete Milagres: o leitor, meu tempo livre está engraçado: estudo, vou ao cinema, e as minhas filhas... Eu ando estudando mutio. Todas nós, quero dizer.
    (04:53:50) DUNHA: filo eu gosto muito de vc...quando vc vai fazer uma peça teatro aqui em sampa????
    (04:54:46) radix: O humor brasileiro tornou-se muito erotizado. Isso é um sinal de decadência da criatividade daqueles que comandam os humoristas (diretores e produtores)?
    (04:55:42) Gorete Milagres: DUNHA, meu espetáculo Filomena existe há 12 anos. Recentemente, fui para os EUA apresentar o espetáculo. O show eu faço quando sou convidada. Se um produtor local me chama, eu monto uma temporada. Mas em São Paulo, tenho um projeto para os CEUs. Quero levar a Filomena para os hospitais públicos. Mas estamos estudando um espetáculo novo, sem a Filó, para breve, em São Paulo.
    (04:57:25) neide24: vc posaria para alguma revista masculina?
    (04:57:51) Gorete Milagres: radix, confuso falar disso... A erotização é uma tendência. O público quer ver mulher gostosa e pelada. Tem no humor, na novela, no filme... É natural. O que se deve pensar é a mistura boa. Mas acho que está geral.
    (04:58:33) thiago1: Não da pra vc, imitar pra gente alguma personagem criada por vc, como a filomena?
    (04:58:40) Gorete Milagres: neide24, meu Deus!! Que revista faria isso!! Não vou falar que sou ruizinha... Mas ia ter de ter muito retoque! Nunca tive convite e nem tenho vontade.
    (05:00:00) Gorete Milagres: thiagol, tenho várias... Mas isso é tão complicada... Fiz a pouco tempo a Claudinete, que é uma gostosa, que aparecia de minissaia, ruiva, peituda! E tinha uma frase "penso só".
    (05:01:45) Gorete Milagres: Eu acho que por várias vezes falamos de humor ingênuo, por isso o público tem de ver "Tapete Vermelho", q
    (05:02:46) Gorete Milagres: Eu acho que por várias vezes falamos de humor ingênuo, por isso o público tem de ver "Tapete Vermelho", que é uma homenagem a Mazzaropi. E já está passando em São Paulo e no interior, Minas, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Recife.
    (05:02:46) Lu Moderadora: O Bate-papo UOL agradece a presença da atriz Gorete Milagres e de todos os internautas. Até o próximo!
    Produtos UOL
    Antivírus
    Backup
    Assistência Técnica