UOL Bate-papo

  • pessoas online
  • 7.577 salas abertas
  • 378.850 lugares

Bate-papo com convidados

BATE-PAPO COM Márcio Ballas - 28/02/2011 às 19h00

Apresentador do "É Tudo Improviso" (Band), Márcio Ballas é um dos pioneiros em espetáculos de improvisação no Brasil. Formado em interpretação na Europa, o ator dirige o espetáculo "Improvável" da Cia. Barbixas de Humor, foi um dos fundadores e criadores da peça "Jogando no Quintal" e integrou também o elenco do "Doutores da Alegria" por quatro anos. No ar com a segunda temporada do humorístico toda segunda-feira às 20h45, Márcio conversa sobre os desafios de se fazer humor no Brasil e revela como se descobriu artista depois de ter se formado em Marketing na faculdade.

Assista o vídeo da conversa:

(07:07:36) Mateus: cade ele?
(07:07:38) daany *_*: ooi
(07:07:40) Valeska Lima: TODOS:: DIGAM... Marcio Ballas Kade vc.. .eu vim aki soh pra Tc com vc..!! hahaha
(07:07:43) falaschievy: \0/
(07:07:47) Rita: BOA NOITE SENHORAS E SENHORES, PAVAOS E PAVOASSSSSss
(07:18:56) Márcio Ballas: Olá, sou Márcio Ballas e vocês vão bater um papo comigo!
(07:08:02) marcio chicletes: Marcio boa noite tudo bem? porque os barbixas nao estao mais no programa? a mary o marcao e acris sao otimos parabens pelo programa
(07:20:24) Márcio Ballas: marcio chicletes, os barbixas fizeram parte da primeira temporada e agora eles quiseram sair para continuar o projeto deles no teatro.
(07:22:12) Márcio Ballas: Eu faço teatro a muitos anos. Já estava há 7 anos em cartaz. Então o pessoal da TV fez esse convite para transformar esse improviso para televisão.
(07:18:50) mila: marcio todos os jogos feitos na gravação do é tudo improviso vão para a tv???ou alguns são cortados???men manda bjo***
(07:23:00) Márcio Ballas: mila, alguns jogos são cortados, sim, mas muito pouco. A maioria dos jogos vão ao ar. E tudo mundo pergunta se é improviso mesmo, e é sim. Pode acreditar.
(07:18:41) Valeska Lima: Marcio... pq nunca da tempo para o macaco falar/?! hahaha... manda ele pra minha casa...
(07:23:16) Márcio Ballas: Valeska Lima, pois é, um dia ele vai conseguir, viu?
(07:19:21) Gustavo: Me diga como vc consegue fazer esse cabelo???/Qro deixar o meu igual
(07:23:57) Márcio Ballas: Gustavo, você vai no cabeleireiro e pede "Repica aqui" e enche o cabelo de gel. Se rirem de você na rua é porque está legal!
(07:20:13) Fr4nc1an3: Márcio, como vc iniciou asua carreira e descobriu se talento com humor e improvisação?
(07:25:31) Márcio Ballas: Fr4nc1an3, eu estudei fora do país, lá tem muita coisa que eu nem imaginava que existia. Participei de alguns festivais na Argentina, Colômbia, Chile e Peru e ganhamos alguns, ninguém imaginava (risos)
(07:21:11) manabuco: cquando e como descobriu que o improviso era seu dom, seu futuro profissional? ps. vc é mto lindo s2 hahaha
(07:25:52) Márcio Ballas: manabuco, tem que estudar, não acredito em dom. É técnica.
(07:21:34) Florzinhabrenda: Como participo da platéia do É TUDO IMPROVISO! admiro MUITO seu trabalho PARABÉNS!
(07:26:58) Márcio Ballas: Florzinhabrenda, para você participar da plateia, tem que entrar em contato com a Band, no site tem um lugar que você entra e faz seu cadastro. O site do programa é: http://band.com.br/etudoimproviso
(07:24:49) Roberto bahia: Como vc definiria o que é improvisação?
(07:28:06) Márcio Ballas: Roberto bahia, que pergunta difícil! Quando falamos de improvisão, falamos de criar a cena na hora, ao vivo, na frente do público.
(07:24:49) Bianca RJ: Márciooooooooo, vc é um cara bem humorado no seu dia a dia, ou é só na TV?
(07:29:00) Márcio Ballas: Bianca RJ, eu sou um cara bem humorado. Eu sou palhaço. Mas claro que de manhã cedo sou insuportável,
(07:24:25) Ellen Araujo: Como você se sente sendo muito queridos por todos?
(07:30:03) Márcio Ballas: Ellen Araujo, precisamos desse retorno do púlico, pra mim é um prazer. Quando fui pra TV, foi uma grande novidade. É muito legal encontrar o pessoal na rua, gente de diferentes idades me parando na rua, dizendo que adora o programa, é muito legal.
(07:25:05) SabrinaVB: Para 2011 a Cia. do Quintal investe em que projetos/espetáculos? Já tem previsão de temporada?
(07:33:03) Márcio Ballas: SabrinaVB, temos sim. Esse ano entraremos em cartaz de novo, faremos três meses de temporada. Vai rolar Jogando no Quintal em breve. Fiquem atentos no site: www.jogandonoquintal.com.br. Também damos cursos de palhaços!
(07:23:55) Rutinha: seu programa aceita crianças na platéia, de que idade.
(07:33:40) Márcio Ballas: Rutinha, na TV somente acima de 14 anos. Mas no teatro, todas as idades.
(07:25:52) Marcio: Onde encontro um bom curso de Improviso?
(07:34:29) Márcio Ballas: Marcio, entre no site www.jogandonoquintal.com.br Tem cursos ótimos!
(07:25:59) Natália Moura: Marcio vc dah aulas de impro teatral num eh isso???Vc acha q uma pessoa q nao tem noção com o teatro pode ingressar nesse tipo de curso,ou eh melhor primeiro fazer um curso basico de teatro pra depois se especializar nessa area???
(07:35:42) Márcio Ballas: Natália Moura, tem cursos para iniciantes, sim. Cursos para pessoas que nunca tiveram contato, nunca fizeram curso de teatro. A maioria das pessoas que faz esses cursos quer descontrair, brincar, conhecer. Depois você pode passar para outros níveis.
(07:26:08) Fuba: fiz nesse fds, um workshop com marco gonçalves de improviso, gostaria de saber qual é o proximo passo?
(07:36:46) Márcio Ballas: Fuba, pergunta pro Marcão (brincadeira). O próximo passo é fazer um curso regular, veja os horários no site. Mas faça uma vez por semana, é importante.
(07:26:53) Juju B: Márcio, você já leu o livro "Improvisação para o Teatro" da Viola Spolin?
(07:37:08) Márcio Ballas: Juju B, li e recomendo. Muito bom!
(07:27:49) Cara de Caimbra!: o que é mais dificil, improvisar em um programa de tv q depois será editado, ou improvisar no teatro, onde tudo acontece na lata???
(07:38:01) Márcio Ballas: Cara de Caimbra!, é diferente improvisar no teatro e na TV. Pra gente que veio do teatro foi mais difícil pegar o jeito de improvisar na televisão.
(07:28:59) gustavo: Porque todos os integrantes do É tudo improviso usama as mesmas roupas?
(07:38:53) Márcio Ballas: gustavo, é o visual do programa mesmo. Só eu tenho uma roupa mais chique, porque eu sou melhor mesmo (risos)
(07:29:21) MestreBallasFC: Já pensou em fazer standup, Ballas???
(07:40:16) Márcio Ballas: MestreBallasFC, não. Eu gosto de stand up, às vezes eu faço algumas coisas, escrevo textos, faço participações. Mas eu faço improviso. Stand up e improviso são totalmente diferentes.
(07:29:34) cocota: marcio o fabio porchat esteve no Bate-papo e comentou que todo mundo acha que stand up é improviso e improviso é combinado. é verdade? e pq será que as pessoas nao acreditam? hehe..
(07:42:58) Márcio Ballas: cocota, exatamente isso. Acham que Stand Up é improviso por que o cara está lá conversando, conta algo cotidiano e parece improviso. Já o improviso, a gente tem que criar lá na hora, e as vezes fica tão bom que as pessoas acham que é combinado. Sai incrível as vezes, mas também sai horrível, e às vezes é tão horrível que fica muito engraçado. Isso que é o legal do improviso.
(07:29:32) Luna: O que você acha do Stand Up Comedy, tão consagrado nos Estados Unidos e que agora é febre por aqui?
(07:43:39) Márcio Ballas: Luna, sou fã do stand up. Tem pessoas muito boas, mas tem gente ruim também. Mas quem é bom, fica no mercado, é uma seleção natural.
(07:31:08) Gustavo: Márcio vc improvisa muito em seu cotidiano???
(07:43:58) Márcio Ballas: Gustavo, claro. A vida é um grande improviso.
(07:31:17) Roberto bahia: As regras do jogo engessam ou libertam a improvisação, márcio?
(07:44:40) Márcio Ballas: Roberto bahia, as regras libertam, pois elas criam uma padronização. Elas ajudam o jogo acontecer,
(07:30:23) Douglas: marcio como vc o trabalho dos doutores da alegria?
(07:47:56) Márcio Ballas: Douglas, foi incrível, eu aprendi muito. Trabalhar em hospital é muito legal, porque tem limites lá, e quando você consegue fazer alguma coisa legal e faz todo mundo rir, é muito bom. Você vê os pais rindo, as crianças, os enfermeiros. Ver risos em um hospital é muito gratificante. Fiquei quatro anos no Doutores da Alegria, trabalhava duas vezes por semana. E você precisa ficar de 6 meses a um ano no mesmo hospital, para você poder se inserir lá, fazer amigos, criar vínculos, para saber quando você pode brincar e quando não pode.
(07:34:36) @Pah_Fleck: Qual é mais complicado de fazer Caleidoscopio ou Jogando no Quintal?
(07:51:06) Márcio Ballas: @Pah_Fleck, o Caleidoscopio é um outro espetáculo de improviso que eu faço. Temos que criar uma história durante uma hora seguida, pegamos algumas instruções com a plateia e vamos criando. É mais desafiador, sim. É uma novidade ainda, então tem aquele medo de não dar certo. Em breve, estaremos em cartaz. Me sigam no Twitter para saber novidades: @marcioballas
(07:35:34) Rutinha: olá, Marcio Boa noite, já fui em uma palestra sua. Vc é formidavél
(07:35:50) Thaisers: Ownt Ballas, esperei te encontrar no Jogando no quintal aqui em salvador e você não veio :|
(07:35:55) Thaisers: Acho o é tudo improviso muito bom, mas não gosto da parte do macaco, acho meio nada a ver... sem graça
(07:35:57) CHRIS: E TUDO IMPROVISO E O MELHOR PROGRAMA QUE JA VI EM TODA MINHA VIDA
(07:36:25) Bianca RJ: Gosto mto do CQC, mas em matéria de humor inteligente vcs não deixam a desejar nem um pouco com o programa! Dou altas gargalhadas toda segunda! Gostaria mto que fosse fixo... "Band, FICA A DICA" rsrss
(07:36:50) Flah 21 ZN: Marcioooo adoro vcss!!! sou super fã, estou em casa de licença do trabalho com o braçõ quebrado e ja assisti tudo o q temos de vcs na internet
(07:36:40) Anna e Gú: Márcio , eu e o meu filho te adoramos !!!!!!
(07:38:07) CHRIS: caraca estou muito feliz em flr com meu idolo!
(07:52:48) Márcio Ballas: Obrigado pelos elogios, pessoal!
(07:39:19) BRUNESHER: Existe alguma rivalidade entre vcs e o programa Quinta categoria ?
(07:54:27) Márcio Ballas: BRUNESHER, existe, sim, nos socamos uma vez por semana, nos encontramos pra brigar (Risos). Não tem rivalidade, a gente se conhece, se gosta. Já vi o programa deles, trocamos figurinhas informalmente.
(07:39:05) @KarlaSilva: e o Zé? qual sua opinião sobre caruso, greg e cia jogando improviso?
(07:55:30) Márcio Ballas: @KarlaSilva, gosto muito do Zé, eles são muito bons, eles tem uma história parecida com a nossa, só que no RJ. Já joguei muito com eles, e vou jogar de novo, são muito bons!
(07:39:54) amandarodovalho: Marcio, o que você acha dos novos improvisadores que estão surgindo? gosto muito do quinta categoria, acho que a Tata Werneck uma grande improvisadora! O que acha dela?
(07:56:01) Márcio Ballas: amandarodovalho, é uma coisa nova, acho que está engatinhando. Eu acho a Tatá muito foda, sou fã dela.
(07:41:59) lily: para voce conquistar seu sucesso qual foi o seu maior improviso?
(07:57:10) Márcio Ballas: lily, acho que foi largar tudo, minha faculdade, meu pequeno negócio. Vendi meu carro, fui morar em Nova York, depois fui estudar em Paris. E deu tudo certo.
(07:41:39) anna: a apresentação do festival de Curitiba do É tudo improviso vai seguir em turnê para outros lugares depois?
(07:58:02) Márcio Ballas: anna, sim! Pode ir ver a gente. E faremos também uma apresentação no Risadaria, em São Paulo.
(07:40:50) Punk3ka: Marcio vc é uma delícia!!! sairia com alguma Fã??
(07:41:00) Key-chan~: Por que você deixa essas trancinhas na parte de traz do cabelo?? hahahaha' Acho um charme!
(07:58:47) Márcio Ballas: Punk3ka, se você acha que sou delicinha só tenho a agradecer. Se a fã fosse linda, sairia (risos). Brincadeira, não posso atualmente. Key-chan~, eu gosto das minhas trancinhas!
(07:42:10) CADU: Qual foi sua primeira improvisação? (que te vem na memória)
(07:59:31) Márcio Ballas: CADU, foi em um quintal, bem no começo. No fundo de uma casa.
(07:45:05) astronauta: eu AMAVA "whoses lines it anyway", vc gostava tb? como vê a formação de atores/improvisadores aqui e lá fora? sei que lá tem, claro (até pelo tempo) infinitamente mais cursos e tal. mas dá pra se formar, tornar um bom improvisador só estudando aqui?
(08:01:24) Márcio Ballas: astronauta, eu sou fã desse programa também. Nosso programa tem o "Whoses Lines it Anyway" como referência também. Sobre os cursos, achei que as pessoas estão se interessando muito. Tem gente de outra cidade que vem fazer curso de finais de semana. Estão começando as formações de profissionais agora.
(07:41:31) Roberto bahia: Qual a referência sobre improvisação vocês usam. Tem um estudo teórico desenvolvido pelogrupo. Conheço algumas referências: Boal, Viola Spolin, Peter Slade, Teatro Esporte, Match de Improvisação. O que vocês usam?
(08:02:54) Márcio Ballas: Roberto bahia, usamos todos esses que você citou e muitos outros também como o Action Impro, Impro Madri, tem muitos grupos bons em toda parte do mundo que assistimos e estudamos.
(07:46:19) #Flamengo: marcio,para vc qual é o melhor programa de humor no país ?
(08:03:32) Márcio Ballas: #Flamengo, olha o melhor é um que chama "É Tudo Improviso" (risos). Eu gosto muito do "CQC".
(07:46:23) Rodolfo.18: Márcio o Neymar copio as suas trancinhas?
(08:04:12) Márcio Ballas: Rodolfo.18, acho que o Neymar não tem tempo de ficar copiando ninguém, mas se me copiou, legal hein? (risos)
(07:48:07) Locomotiva: Você acha que o mercado seleciona o talento? Ou o mercado seleciona quem é bom de mercado?
(08:05:17) Márcio Ballas: Locomotiva, acho que tem os dois. Você precisa ser bom, ter conteúdo, mas precisa ter noção de mercado, se vender, fazer acontecer. Mas se não for bom, você some logo.
(07:48:07) amandarodovalho: Vocês improvisadores sempre dizem que ser "generoso" é um ponto forte para reforçar a cena. Como vocês fazem para manter toda aquela generosidade sem contrariar o outro jogador?
(08:08:15) Márcio Ballas: amandarodovalho, um dos princípios é dizer sim, aceitar todas as propostas. Se um fala "Vamos cavar o buraco" o outro tem que falar "Sim". Toda cena é construída a partir de "sim". Eu não contrario o parceiro, eu aceito as ideias dele e vamos construindo a partir disso. Tmos sempre que nos ajudar.
(07:48:12) Maria Eugênia: Qual dos convidados você acha que mais se saiu bem no É Tudo Improviso? O que você achou do Danilo Gentili? Tudo de bom pra você.
(07:48:54) Anna e Gú: Qual o convidado que mais rendeu no "Caiu de Paraquedas?
(08:10:04) Márcio Ballas: Maria Eugênia, Anna e Gú, eu acho que todos os convidados renderam muito, cada um de sua maneira, cada um responde de um jeito. É muito inusitado ver alguém que não está acostumado a aparecer de uma maneira na TV e de repente você vê o cara fazendo coisas inusitadas. O público gostou muito do Danilo Gentili e do Paulo Bonfá.
(07:55:13) Pikaxu: vc sente que na tv vcs tem certeas limitações, em relaçao a conteudo e palavroes por exemplo, se comparado ao teatro?
(08:11:10) Márcio Ballas: Pikaxu, não tem censura da emissora. Se o assunto foi muito pesado ou muito datado é vetado, mas só. Essa é a diferença do teatro.
(07:56:29) Bru Cantora: Sei que o programa chama è tudo improviso,mas qual foi a maior gafe que aconteceu ao vivo???
(08:13:16) Márcio Ballas: Bru Cantora, não lembro de gafes. Mas têm uns erros. O cameraman teve um acesso de riso, eu vi e falei "olha lá o cameraman" aí mostrou ele se matando de rir.
(07:56:29) gago: quem é mais feio:a MARI,a CRIS,o MARCAO, o TOMÉ,ou o CÉSAR???
(08:14:47) Márcio Ballas: gago, o elenco é bem feio mesmo. É um elenco esquisito. Então, cada um é esquisito à sua maneira e é por isso que não estamos fazendo novela na Globo. Quem não é tão bonito, tem que achar outra maneira de seduzir, conquistar as pessoas, acho que é por isso que humoristas são feios. (risos)
(07:56:54) Bizim: márcio qual a importância do improviso por ator?
(08:16:27) Márcio Ballas: Bizim, é bem importante. Toda escola de atores deveria ter aulas de improviso. É fundamental. Tem poucos professores de improviso aqui no Brasil.
(07:56:49) Rolin Duclub: Marcio...li em algum lugar que voce tinha um grupo de teatro com o ator Dan Stulbach? Qdo foi isto? vcs sao amigos???
(08:19:06) Márcio Ballas: Rolin Duclub, sim, somos muito amigos. O Dan foi meu primeiro professor de teatro. Depois de um tempo fizemos um grupo de teatro cômico, fazíamos evento na casa das pessoas. Somos amigos.
(08:00:29) Ellen Araujo: Vc possui outro contato para seus fãs, se comunicarem com você,fora o twitter?
(08:19:44) Márcio Ballas: Ellen Araujo, também tem meu site www.marcioballas.com.br e tem o www.jogandonoquintal.com.br
(08:01:54) Eumsmpq: Você não acha que a televisão tira a verdade da improvisação?
(08:21:02) Márcio Ballas: Eumsmpq, a TV tem uma coisa diferente do teatro. Tem jogos que funcionam no teatro que não funcionam na TV e também tem o inverso. Tem uma adaptação bem importante.
(08:02:03) fabricio: vc e adepto tambem do estilo de humor chamado de negro?
(08:21:36) Márcio Ballas: fabricio, acho que tem que saber fazer o humor negro. Eu gosto, mas tem que tomar cuidado para não passar do limite.
(08:06:56) Cara de Caimbra!: Márcio, o sucesso do improviso na tv, influenciou de que forma o trabalho no teatro???
(08:22:27) Márcio Ballas: Cara de Caimbra!, acho que influenciou um pouco e deve influenciar cada vez mais. As pessoas veem a gente na TV e depois vai ver no teatro, isso é bom.
(08:07:36) Luna: Boa parte dos comediantes afirmam que meio que caíram de paraquedas na profissão, e boa parte deles em seu cotidiano é tímida, é o seu caso?
(08:22:53) Márcio Ballas: Luna, é o meu caso. Sou mais para introvertido.
(08:09:15) Anna e Gú: Meu filho de 9 anos te adora manda um beijo para ele que está aqui do meu lado quase chorando!!!!!!!!!!
(08:23:10) Márcio Ballas: Anna e Gú, não chorem! um beijo para vocês!
(08:09:14) loira do banheiro: 3 perguntas: 1a - há limite no humor? qual? 2a - o politicamente incorreto deixa tudo mto chato e difícil? 3a - Danilo Gentili numa participação no bate-papo uol disse que brasileira só faz de conta que é bem humorado, mas na real não é. afinal quer sempre ser o espertão das piadas e tal. vc concorda?
(08:26:09) Márcio Ballas: loira do banheiro, tem limite no humor, sim, podo tudo, mas não pode qualquer coisa. Acho que não tem limite, mas tem uma linha que você tem que saber passar, e tem que saber sobre o que você está falando. Acho o politicamente correto bem chato, sim, e o humor está aí pra quebrar um pouco disso. Concordo mais ou menos com o Gentili, o brasileiro tem essa coisa de maladragem, mas no fundo eu acho que o brasileiro é um cara nem humorado, até por que vive tanto na "merda" que aprendeu a viver com isso de uma forma bem-humorada.
(08:27:31) Márcio Ballas: Assitam o "É Tudo Improviso" na Band às 22h45. Me siga no Twitter @marcioballas e acesse o site www.jogandonoquintal.com.br . Obrigado pelo papo pessoal! Tchau!
(08:27:36) Moderadora/UOL: O Bate-papo UOL agradece a presença de Márcio Ballas e de todos os internautas. Até o próximo!
Produtos UOL
Antivírus
Backup
Assistência Técnica