UOL Bate-papo

  • pessoas online
  • 7.577 salas abertas
  • 378.850 lugares

Bate-papo com convidados

BATE-PAPO COM Oscar Filho - 15/04/2011 às 20h00

Humorista e repórter do "CQC" (Band), Oscar Filho fala sobre a temporada de 2011 do programa e adianta novidades que o grupo comandado por Marcelo Tas está preparando. Responsável pelo quadro "Proteste Já" este ano, Oscar fala dos desafios de cobrar atitudes das autoridades e conta o que mais gostou de fazer até agora. Em cartaz também no teatro com o "Clube da Comédia Stand Up" e com o solo de humor "Putz Grill", o humorista convida internautas para os shows e explica como concilia os palcos com as reportagens do programa.

Assista o vídeo da conversa:

(08:12:47) naah: oiii
(08:12:48) AmandaB: Olá
(08:12:53) miiguel: OSCAAAAAAAAAAAR *-*
(08:13:14) Lais Farias: Oscarrrr
(08:15:22) Oscar Filho: Olá pessoal! Estava fazendo uma matéria para o "CQC". O quadro "Proteste Já". Meu sapato está cheio de lama!!!
(08:13:19) Aglaisse: Boa noite Oscar.Você teve medo de apanhar daquele homem na estréia do Proteste Já deste ano ?
(08:16:46) Oscar Filho: Aglaisse, pois é. Eu fiquei muito nervoso aquele dia! Eu nunca briguei na minha vida, então foi muito chocante. Alguém falou até que deu um "delay". Eu não estou acostumado com esse tipo de tratamento, então eu fiquei muito nervoso, só queria perguntar pra ele o porquê daquilo!
(08:13:23) Vilaça: O que vc faria se tomasse uma cusparada daquele babaca do Vilhena como seu colega?
(08:18:42) Oscar Filho: Vilaça, acho que o Rafael Cortez teve a melhor atitude. O melhor é não revidar mesmo. O "CQC" é um jogo, as pessoas já estão acostumadas com isso, não tem o porquê cuspir daquele jeito. O Cortez deu a melhor resposta ao falar da Thayla Ayala (risos)
(08:15:56) Aglaisse: É difícil comandar o Proteste Já ?
(08:20:04) Oscar Filho: Aglaisse, é difícil, o quadro é muito jornalístico. E quem denuncia quer que aquilo seja resolvido. Então você precisa ser imparcial para ver se a pessoa que denuncia tem mesmo razão. Eu gosto muito.
(08:15:39) AmandaB: Olá, Oscar! Sou uma fã tua e queria saber como é trabalhar no CQC e tbm dar uam dica de você vim fazer um show teu aqui na minha cidade Umuarama Parana , O Luque ja veio Aqui e foi mt bem recebido, fiCa a dica Beijos Adoro VOcê!!
(08:22:45) Oscar Filho: AmandaB, eu quero muito fazer show em todas as capitais do país. Mas as vezes vocês acham que é a gente que escolhe, na verdade é o produtor. Eu gostaria de ir em todas as cidades que me chamam. E também gosto muito de fazer o "CQC".
(08:16:24) naah: voce é muito lindo!...acho voce o maximo!!...voce é perfeitoo!
(08:24:11) Oscar Filho: naah, você é muito cega (Risos). Eu sou humorista, não faço sucesso não. =É engraçado, quando a gente entra na TV, começam a falar coisas diferentes da gente. Nunca tinha me chamado de baixinho antes do "CQC" (risos)
(08:16:07) simpatico pakas: vc gosta do rafinha bastos
(08:17:17) laryssa: como vc entrou para o cqc? como te acharam?
(08:25:35) Oscar Filho: simpatico pakas, não gosto dele (risos). Brincadeira, eu tenho uma enorme gratidão por ele. Laryssa, ele que me levou ao "CQC". Eu fazia parte de um grupo chamado "Os Cretinos", e ele foi me assistir, então ele me fez o convite.
(08:17:03) Lucas Pellegrino: Oscar, adoro vc e seu trabalho e gostaria de saber se vc se acha bem encaixado no Proteste Já, pois vc não tem o mesmo porte físico do Danilo e do Rafinha, q são super alto e principalmente o Rafinha que tem "cara feia". Vc não acha q eles eram levado mais a sério do q vc?
(08:29:38) Oscar Filho: Lucas Pellegrino, pela experiência que estou tendo até agora, não. Eu realmente pensei que isso pudesse acontecer. Mas as pessoas me respeitam muito. Mas sempre tem essas comparações, né? Eles ficam com receio do microfone, na verdade, não sei por que.
(08:30:44) Moderador / UOL:
Oscar Filho participa do Bate-papo UOL com Convidados e fala sobre o programa "CQC" (Band) e seu espetáculo de stand-up (crédito: Patricia Vicentini/UOL)
(08:32:19) Hirguem SP: CARA A MLEHOR REPORTAGEM FOI AQUELA DO RASTREADOR NA TV
(08:18:15) @LMenezes: Quando você começou a fazer Stand Up?
(08:32:31) Oscar Filho: @LMenezes, eu participava de um grupo chamado "Os Cretinos", e o Rafinha me disse que eu deveria fazer Stand-up, mas eu não sabia muito o que era na época. Eu sempre foi muito de me expressar corporalmente, sabe? E quando conheci o stand-up eu achei que era muito legal poder falar para a plateia sem ser um personagem e também poder fazer a expressão corporal. Acho que as pessoas ouvem muito mais o que você tem a dizer se for você mesmo ao invés de um personagem.
(08:34:28) Oscar Filho: Não sei se sou humorista ou repórter, eu não gosto de me definir assim. Parece que é pra sempre, entende? Acho que tenho receio de rótulos, prefiro ser definido como versátil, como talentoso para várias coisas.
(08:17:38) Cohen: Qual o futuro do humor politico na sua opinião?
(08:35:33) Oscar Filho: Cohen, acho que tem que existir todo tipo do humor. As pessoas tem mania de comparar o "Pânico na TV" e o "CQC". Pra quê?
(08:22:45) Sen@: tire uma curiosidade, qual realmente é sua altura? Já que seu apelido pelo Marcelo taz é pequeno ponei
(08:36:00) Oscar Filho: Sen@, tenho 1,69m
(08:24:57) Felipe: Já li muitos textos seu na internet, vc tem vontade de escrever alguma sitcom?
(08:39:04) Oscar Filho: Felipe, é muito difícil roteirizar um programa. Pra escrever um seriado do tipo americano são necessários vários roteiristas. O humor no Brasil fica muito na mão do ator ou repórter ainda.
(08:24:04) Ro1000sonsilva: E aí, Oscar. Beleza? Gosto muito do CQC e suas matérias (também - hehehe). Quando vocês vão cobrir algum evento, que precisam entrevistar alguém, vocês já pensam nas piadas que vão usar quando gravar?
(08:40:49) Oscar Filho: Ro1000sonsilva, a gente pensa, sim. Pois quando vamos fazer uma mátéria, de celebridades, por exemplo, a gente já imagina quem vai estar e que brincadeiras vamos fazer com cada um. Já no "Proteste Já", não, pois eu imagino de uma forma e acaba de outra. Eu imagino a situação e crio na hora, não tem muito como saber o que vai acontecer.
(08:25:26) Wolly Dracena: Oscar , voce esta deixando o cabelo ficar igual do Neymar ?
(08:41:31) Oscar Filho: Wolly Dracena, por que? Mas não está moicano! Eu sempre cortei assim. Mas meu cabelo é oleoso, já já eu corto careca igual o Tas.
(08:27:05) Priscila: Para trabalhar no CQC as pessoas devem ser muito cara de pau.. Você sempre foi cara de pau, ou ficou depois?? OBS: Adoro o CQC e todos que trabalham lá!!
(08:42:10) Oscar Filho: Priscila, acho que sim, as pessoas que brincam muito normalmente são cara-de-pau mesmo. Mas não me profissionalizei (risos)
(08:26:07) @LMenezes: Boa Noite Oscar, gostaria de saber se o twitter o ajuda muito para cobrir as matérias, as pessoas mandam informaçoes, essas coisas?
(08:42:54) Oscar Filho: @LMenezes, as vezes. O twitter é um bom lugar para se criar uma piada, mas não para pegar informações. Tem muita bobagem também.
(08:28:20) Nathalia RS: Oscar , em algum momento q estava no CQC surgiu alguma proposta q te fizesse pensar .. em sair ?
(08:43:20) Oscar Filho: Nathalia RS, não. Uma vez, no primeiro ano de CQC, teve uma conversa da Record, mas nada sério.
(08:29:26) Danny_Floripa: Vc é casado?Namora?é gay??ahuahauauashau...P.S: Se não for nenhuma das alternativas...Pode me passar teu telefone?rs...ADORO vc e todos do CQC! BeijOOo
(08:43:46) Oscar Filho: Danny_Floripa, eu to BEM namorando.
(08:28:05) Jéssica lopes: Seu blog tem textos muito legais oscar :) não tem vontade de escrever um livro ?
(08:45:01) Oscar Filho: Jéssica lopes, eu já ganhei um prêmio por um conto que eu escrevi, quando eu tinha 17 anos. A partir daí eu pensei em talvez escrever. E agora eu retomei isso. Um dia eu penso mais nisso.
(08:31:57) Jay: Oscar, como é o assédio feminino? Qual a coisa mais engraçada que uma mulher já fez para tentar te "seduzir"? rs Bejus =*
(08:46:27) Oscar Filho: Jay, uma menina arrancou a alça do sutiã e me deu. Aquelas alças de silicone, sabe? Estava meio estragada. E uma outra me deu uma calcinha pra eu dar um autógrafo. Essas foram as situações mais bizarras!
(08:32:20) Sol: A melhor matéria sua na minha opinião, foi aquela em que vc desligava a tv durante um jogo da argentina, nun bar em buenos aires....ri kilos!!!!
(08:48:06) Oscar Filho: Sol, essa matéria foi muito boa de fazer! A gente estava lá no bar e quando os argentinos entraram no campo, todo mundo começou a bater palma. Na hora do hino todo mundo levantou com a mão no peito. Não tinha noção desse patriotismo! Eu não podia rir e estava vestido de argentino também! Eles mal sabiam o que estava pra acontecer! Eles não viram nenhum gol! (risos)
(08:41:19) isa: Boa Noite Oscar, um dos quadros mais interessantes que já assisti no CQC realmente é o " Proteste.." mediga qual é a sensação de ver tanta falta de respeito vindo dos poderes públicos para com os cidadãos pois vc consegue a partir do quadro conhecer as duas partes, posso citar o exemplo das crianças que iam pra escola a pé pois nao tinham como ir de onibus escolar, como consegue lidar com o desrespeito e às vezes até cinismo desses políticos depois de ver o descado deles?
(08:51:29) Oscar Filho: isa, tem um jogo que não é dito, mas é sabido. Quando você entra na sala do prefeito, vem aquele olhar de "Não me ferra muito, vai?". Eles já te abraçam, te dão a mão, te oferecem suco. Tudo pra te tratar bem e você pegar leve. Quando isso acontece, me dá mais vontade de ir fundo na matéria, me dá um nervoso! Eu não quero ser visto como herói, mas acho que é uma maneira de mostrar como se faz. Eu estou usando o poder da mídia para fazer isso, mas as pessoas podem se juntar e fazer o mesmo também! Se você for mal tratado, você pode processar. O quadro não pode ser visto de forma passiva. É necessário pegar a ideia e fazer também.
(08:44:59) Stenio: Oscar, o q é pior? Fazer toda a materia sobre um monte de erro que existe no país, trabalhar pra caramba realizando-a ou ir para a edição e cortar um monte de parte boa pq se for pro ar existe a enorme possibilidade de processo e outras coisas que prejudicarão vcs e a emissora?
(08:54:48) Oscar Filho: Stenio, é um processo muito complicado, tem coisas que realmente não podem ser ditas. A edição as vezes ajuda e as vezes atrapalha. Uma coisa que eu fiquei muito chateado que aconteceu foi que tiveram que apagar o rosto do cara que bateu no nosso produtor naquela matéria. Não tínhamos prova, mas eu achava que ele precisava pagar pelo que ele fez.
(08:57:24) Oscar Filho: As pessoas vão sempre dizer que estamos provocando de propósito para tomar porrada e gerar polêmica na mídia. Mas você acha que eu vou disposto a tomar porrada? Lógico que não. Acho que quando aconetec isso fica um clima muito ruim. Ficamos o dia todo na delegacia falando sobre a confusão, dormimos mal, acordamos mal. Para os executivos da televisão deve ser ótimo. Mas hoje em dia já estou me acostumando, tento não me envolver emocionalmente mais, porque você vira o problema e não ajuda.
(08:48:29) Ricardo Furlan: quel a situação mais complicada que já passou no CQC??? aquele lance recente lá em MG???
(08:58:43) Oscar Filho: Ricardo Furlan, acho que foi sim, foi uma transformação muito forte do cara que bateu no produtor, não soube como lidar. Mas aquela matéria com o Babenco também.
(08:50:13) Maria: Até o presente momento, qual a sua opinião sobre a nossa presidenta?
(08:59:33) Oscar Filho: Maria, estou sentindo que ela´está falando menos e fazendo mais. Eu prefiro atitude. As atitudes falam por si só. Até agora está ok. Nada de maravilhoso, nada de ruim.
(08:54:16) vinicius: pergunta para o oscar se ele ja se arrenpendeu de alguma piada
(09:02:05) Oscar Filho: vinicius, uma vez fiz uma piada com o Júnior Lima. Não lembro a piada. Só me arrependi e pedi desculpa, porque não achei engraçada. Assisti e não vi graça. Acho que humorista tem que pedir desculpa, sim. O limite do humor você só sabe quando ultrapassa. Normalmente as piadas são meio preconceituosas, mas as pessoas riem por isso.
(09:04:50) Oscar Filho: Se você fala de futebol, fatalmente você exclui uma parte e inclui outra. As pessoas têm que saber que é uma brincadeira. Tem que se desprender e saber que uns vão gostar e outros não.
(09:06:19) Oscar Filho: Eu não teria coragem de fazer uma brincadeira com o que aconteceu no Rio de Janeiro. Tem alguma coisa ali que me trata. Teria coragem de brincar com o que aconteceu no Japão, mas no RJ, não. Não sei o porquê. Mas algo me trava.
(09:00:56) Aglaisse: E o Hector Babenco? ele ainda tá de pirraça com você?
(09:06:49) Oscar Filho: Aglaisse, não. Eu fiz outra matéria com ele, nos abraçamos, foi legal. Faz muito tempo também, né?
(09:02:37) Fran: Qual quadro do programa vc gostaria de fazer, e se tem alguma ideia de quadro novo para apresentar?
(09:07:37) Oscar Filho: Fran, eu ia fazer o Identidade Nacional, mas ai acabei ficando com o Proteste. E eu adorei. Eu fiz muitos quadros de celebridades e piadas. Queria algo mais sério, estou gostando muito.
(09:02:01) Lucas Pellegrino: Oscar, vc tem alguma coisa a dizer sobre o caso Bolsonaro? eledever ser deposto do cargo ou´essa é a liberdade de expressão?
(09:10:36) Oscar Filho: Lucas Pellegrino, eu tenho que lutar pelo direito dele falar o que ele quiser. Eu defendo o que ele falou, não concordo, mas defendo. Pra mim, ficou claro que ele não entendeu a pergunta. Acho que é assim que se faz a democracia. Senão a gente vira os censores. Isso mostra como tem preconceito no Brasil, muita gente é a favor do que ele disse. Não estou falando isso pra ser legal. É porque as coisas são assim. Pouca gente ouviu o que ele tem a dizer.
(09:11:55) Oscar Filho: Eu não posso falar se ele deve ser deposto. Não sou eu que defino ou julgo. Se for pelo que ele falou, não. Eu prefiro esse cara na honestidade com que ele fala. Ele está sendo ele. Pelo menos ele não está me enganando. E sabemos que tem muita gente que muda o discurso.
(09:12:37) Oscar Filho: A minha parte de julgar esta aí. Eu não concordo com o que ele disse e não voto nesse cara. Pronto.
(08:55:55) O Cara: Oscar, o que vc quer ser quando crescer ???
(09:13:45) Oscar Filho: O Cara, quero ser grande e ser dono de uma sorveteria! (risos)
(09:14:15) Oscar Filho: Preciso lavar uma roupa em casa, alguém se habilita? (risos) Obrigado, gente! Tchau!
(09:14:40) Moderador / UOL: O Bate-papo UOL agradece a presença de Oscar Filho e de todos os internautas. Até o próximo!
Produtos UOL
Antivírus
Backup
Assistência Técnica